PARTIDO DA TERRA-MPT CONCORRE SOZINHO ÀS ELEIÇÕES LEGILATIVAS DE 30 DE JANEIRO DE 2022

Lisboa, 10 de Dezembro de 2021 – O Partido da Terra-MPT avançará com uma candidatura autónoma às eleições legislativas antecipadas do próximo dia 30 de Janeiro de 2022 com um orçamento zero para a campanha eleitoral, à semelhança do que sucedeu nas eleições legislativas de 2019, por entender que o custo destas acções de campanha não têm de ser suportado, uma vez mais, pelos Portugueses.

Pedro Soares Pimenta, Presidente da Comissão Política Nacional do Partido da Terra-MPT, salienta que “Após diversos contactos institucionais prévios com outros Partidos Políticos, com e sem representação parlamentar, a Comissão Política Nacional decidiu, por unanimidade, que o Partido da Terra apresentará listas próprias às eleições legislativas de 2022 por entender que nenhuma das negociações informais pré-eleitorais consubstancia um projecto político sólido capaz de responder aos particulares desafios que o País enfrenta”.

Acrescenta ainda que “à luz da actual conjuntura, quando a uma grave crise pandémica se somou uma indesejável e evitável crise política, a única pretensão do Partido da Terra é participar, de forma séria, activa e empenhada, na apresentação de um programa eleitoral ecologista, humanista e reformista para Portugal”.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*