CIMEIRA COP23

22 Nov 2017

Participei a semana passada na Cimeira das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas (COP 23) em Bona, na Alemanha.
Previa-se uma COP técnica e foi exactamente isso que se passou.

Os resultados concretos – a elaboração de um documento (o “livro de regras”) que especifica algumas normas para a implementação do Acordo de Paris e que será aprovado na Cimeira do Clima do próximo ano na Polónia – não ultrapassaram a agenda e permanece por esclarecer como será feita a verificação dos compromissos assumidos por cada País e o que sucede em caso de incumprimento do que se propuseram.

Face aos cada vez mais frequentes e extremos fenómenos meteorológicos em todo o Mundo e no momento em que verificamos que os compromissos nacionais entregues em 2015 para o Acordo de Paris só conseguirão cerca de um terço dos cortes de emissões necessários até 2030 e que o compromisso de financiar a acção climática em 100 mil milhões de dólares por ano continua muito longe de se tornar realidade, precisamos urgentemente de mais ambição!

(ler mais aqui)

Deixar um comentário